• 3 metros aos sul
  •   |  ISTOÉ Online
  •   |  27.Apr.15 - 18:24
  •   |  Atualizado em 28.Apr.15 - 11:23
Terremoto pode ter mudado posição de Katmandu, dizem especialistas
AFP

A placa tectônica indiana nunca para na sua ascensão ao norte e conseguiu deslizar um pouco mais sob a placa da Eurásia: o violento terremoto que atingiu o Nepal, deixando milhares de mortos, pode ter mudado a posição de Katmandu em alguns metros, afirmam especialistas. A área em torno de Katmandu, capital do Nepal, provavelmente "caiu cerca de 3 metros para o sul", disse à AFP James Jackson, especialista em tectônica na Universidade de Cambridge, tendo como base a análise das ondas sísmicas registradas após o terremoto.

A região de Katmandu também levantou cerca de 50 centímetros, enquanto que no norte, uma zona foi rebaixada em 50 centímetros, garantiu. No entanto, mesmo que o Everest (8.848 metros) tenha sentido os tremores - que provocaram avalanches -, isso não significa que ele mudou de altura, considerou James Jackson. "É muito longe" do epicentro do terremoto. "Ele realmente não foi afetado", acrescentou.
 

Editorial
A PERDA DA VERGONHA

Existe muito de imoral nas deliberações em curso pelo governo e mesmo com toda a carga de protestos e de rejeição a ele não param de surgir medidas que chocam a Nação como um todo. Na sequência de erros atrás de...


Últimas Entrevistas

Pascal Lamy 24.Abr.2015
Kevin Frost 17.Abr.2015



ISTOÉ Multimídia

Aumenta o número de pessoas com depressão e ansiedade por causa das dificuldades financeiras, da pressão do dia a dia e das incertezas em relação ao futuro. A repórter Fabíola Perez traz mais detalhes.

Paul McCartney lança o álbum "The McCartney of", que reúne 34 canções do vocalista e multi-instrumentista dos Beatles. Ouça "Live and Let Die", música que Paul canta e toca com o pianista Billy Joel.

Ouça a música "Cores & Valores"

Ouça a música "Strange Fruit"


COLUNAS E BLOGS